O Ser Humano tem Espírito?

Em todas as coisas do Universo, tudo possui não apenas a matéria como também outro elemento que se chama espírito, invisível aos olhos. Logicamente o ser humano também é constituído de espírito e corpo, e podemos classificar de forma grosseira o espírito como sendo essência do sol, e o corpo como sendo essência da lua e da terra. Dito de forma mais simples, o espírito é o sol, é o yang, é o masculino, é a frente, é o vertical, é o dia. Em contraposição, o corpo é a água, é o ying, é o feminino, é o verso, é o horizontal, é a noite. Mas a ciência moderna considera apenas o corpo e não admite a existência do espírito. Eis o erro fundamental, pois se o ser humano for apenas corpo e não possuir espírito, ele não passa de simples matéria. Ele seria tão inorgânico quanto madeira ou pedra. Não teria vida e muito menos as atividades mentais. A causa fundamental do equívoco da ciência tradicional estava no fato de desconhecer uma teoria tão simples. Por isso, pelo raciocínio dos cientistas, neste espaço só existia ar e nada mais. Porém, a verdade é que não se sabe quantos elementos invisíveis existem além do ar. Infelizmente a ciência não evoluiu a ponto de descobri-los.

Nossos estudos, traduzidos do original escritos há quase 100 anos, denominou esses estudos ou descoberta de ciência espiritual. Naturalmente, a partir desta descoberta iniciou-se a era em que a doença, que é o maior sofrimento da humanidade, será extinta. Em um futuro bem próximo, ao que tudo indica, isso acontecerá, não pelo avanço da ciência como se pensa, mas porque finalmente alcançará o estudo do espírito, e por isso os problemas se resolverão. Tudo que se refere à doença, que permanece totalmente indecifrável até hoje, será elucidado.

A primeira coisa que deve ser entendida é que, absolutamente todas as coisas que existem no mundo fenomênico são formadas por espírito e corpo. Quando a matéria se decompõe ou se deteriora significa que o espírito a deixou. Quando algo morre, ele se despedaça, e isso significa que o espírito saiu. O dinheiro enferruja por este mesmo motivo, o espírito o deixou e por isso o “cadáver” do dinheiro enferruja. Entretanto, uma espada que foi cuidadosamente polida, ou um espelho antigo, enferrujam muito pouco, pois, o espírito do artesão que os construiu impregnou nele. Assim, o espírito das coisas tem apenas uma camada. Nos seres humanos, enquanto vivos, o espírito e o corpo se tornam inseparáveis. Quando o espírito escapa, a pessoa deixa o mundo fenomênico e ingressa no mundo espiritual, isto é, na vida após a morte.

Entretanto o ser humano acha bobagem falar sobre o espírito. O termo assim como o próprio assunto acabou com o tempo sendo um pouco desprezado, talvez indevidamente explorado, não se sabe ao certo. Muitos tem medo até de tocar no assunto, outros não acreditam, mas a verdade é que essa é a realidade.

Dentro do espírito está a consciência e a alma. Ou seja, dentro do espírito está a consciência e dentro da consciência está a alma. Em termos de tamanho, a consciência é um centésimo do espírito e a alma é um centésimo da consciência. Assim, o movimento da alma impõe um movimento à consciência, o movimento da consciência determina o movimento do espírito e o movimento do espírito desencadeia o movimento do corpo. Esta é a forma pela qual o corpo de uma pessoa se movimenta ou age. Todos os fenômenos corporais são regidos por este princípio, isto é, são regidos pela alma. Agora, se formos colocar em termos de bem e mal, na relação corpo-consciência, o corpo é mau e a consciência é bem, mas, na relação consciência-alma, a consciência é mau e a alma bem. É deste atrito entre bem e mal que surge a harmonia.

Consequentemente, assim como ocorre com o movimento do corpo que é determinado pelo espírito que tem um milésimo de seu volume, o aparecimento da doença no corpo surge na alma. Embora a alma seja pequena, ela é elástica a ponto de ocupar todo o corpo humano quando precisa movimentá-lo. Digamos que ela assume a forma do ser humano, mas quando dormimos ela retoma sua forma circular. No momento da morte ela também sai voando em forma de esfera. Quando ocorre a morte, simultaneamente, a alma, a consciência e o espírito assumem forma circular e podem ser acompanhadas de um brilho. 

O corpo do ser humano corresponde à forma de sua alma, o fato é que a doença surge na região da alma onde existem nuvens, isto é, na regiões que se tornaram opacas. No corpo as doenças se manifestam nessas regiões, isto é, se não houver nuvens na alma, em absoluto, a pessoa não ficará doente. Neste sentido convém questionar o motivo do aparecimento de tais nuvens na alma; elas são o resultado de pecados e impurezas. Como o aprofundamento desta discussão levaria à uma esfera religiosa, vou me deter em explicar como se processa a doença no corpo.

Mas isto não é limitado apenas às doenças pulmonares. É um processo que ocorre em todas as doenças de forma similar e é o princípio que rege a cura das doenças pois é o meio pelo qual as nuvens espirituais são eliminadas. Por este princípio, quando a doença se manifesta no corpo significa que já houve a cura, como a medicina moderna não entende isso, empreende um grande esforço de pesquisa [no sentido de curar a doença manifesta no corpo]. Se durante este processo a pessoa tiver um pouco de paciência sobrevirá a cura radical da doença, a verdade é que não existe outra opção na cura de doenças.

Por isso, meu método Terapêutico dissipa as nuvens espirituais e, como consequência, faz com que o pus se torne solúvel [quimicamente falando]. Assim, aos poucos, a doença diminui até que some por completo. Esta purificação do espírito, quando reflete no corpo, é o que cura a doença. No entanto, é difícil aceitar isso e certamente difere das teorias médicas, mas o que apresentei é inequivocamente verdadeiro. Não há outra forma de conseguir verdadeira paz de espírito sem a completa purificação da alma. Para purificar a alma é necessário que a pessoa se aprofunde em conhecimentos verdadeiros. Caso a pessoa consiga, por exemplo, pode chegar ao ponto de eliminar, por completo, seus pecados e impurezas conforme a pessoa acumule virtudes. Com isso ela terá boa saúde e regozijo durante toda sua vida. Alcançará a boa sorte obtendo alegria, prosperidade e longevidade. Toda a sua linhagem familiar irá prosperar.

Gostaria de explicar mais uma coisa sobre a alma. Quando a alma está enfraquecida devido à resistência imposta pelos estímulos do mundo material, ela se tornou esparsa. Isso é muito comum hoje em dia, é o chamam de neurastenia. Sua origem é também as nuvens na alma que a enfraquecem. Isso pode ser percebido pelo fato de muitas pessoas terem sangue toxico, formando concreções, na região do pescoço. Isso pode ser curado dissolvendo essas concreções. Conforme este quadro piora surgem os casos de insônia e mesmo contanto com boa saúde [aparente] a tristeza sempre ressurge. Mas isso pode ser resolvido aprendendo o que ensinamos, pois, a alma é banhada com a luz e fazendo com que não sejam criadas novas nuvens, este é o melhor método.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Inscreva-se para Receber Novidades